Tá aberta a temporada das liquidações- e das tentações! É só dar uma passadinha pelo shopping e pelas lojas pra ver os atrativos descontos e as diversas araras cheias de peças a preços promocionais, alguns bem em conta. Mas antes de nos jogarmos nas compras, é bom termos em mente algumas orientações que nos ajudam a investir nas peças certas.

E são essas dicas que trago no post de hoje!

6a8ec848d5b55afbcbcf4a5023fe90fe

Primeiramente, temos que nos lembrar o principal objetivo das liquidações, que é “torrar” o estoque de uma coleção, ou seja, acabar com as peças que sobraram de uma temporada. Isso significa que entre ótimos achados é possível encontrarmos peças que já saíram de moda, que estejam com alguma mancha(por já terem sido provadas diversas vezes), caimento ruim, tecido desconfortável ou alguma outra característica que a tenha feito encalhar na loja.

Assim sendo, jamais compre alguma roupa por impulso, sem prová-la, até porque geralmente as lojas não trocam peças em liquidação. Prove-a, veja se ela combina com seu tipo físico e estilo, se mexa com ela, sinta o tecido, analise bem a peça e só depois que estiver tudo ok, compre-a.

Outra dica é investir em peças básicas, que você tem a certeza que vai usar por bastante tempo ainda.

Informe-se sobre as tendências da temporada que está por vir em blogs, revistas, programas ou sites de moda pra ter a certeza das peças, modelagens, cores e tecidos que continuarão em alta e que valem o investimento.

Faça uma lista com as peças que você realmente está precisando, pra evitar que você compre algo desnecessário ou repetido, e estipule um valor que você pode gastar antes de sair às compras. Opte por peças versáteis e atemporais, que possam ser usadas para o trabalho e para o lazer, em diferentes combinações.

Preste muita atenção ao seu tipo físico, idade e estilo, pois de nada adianta adquirir uma peça da moda porque está com um valor superbaixo se ela não vestir bem no seu corpo e não se adequar à sua personalidade.

Nunca compre peças com defeito, por mais lindas que sejam, porque, com certeza, você não vai usá-las.

Antes de comprar uma roupa, sapato ou acessório pense se você tem como combiná-los com outros itens do seu guarda-roupas, crie/imagine looks que possam ser compostos com a peça.

E, por útimo, se você estiver em um dia “deprê”, com problemas na vida pessoal ou profissional, estressado ou chateado com algo, não vá ao shopping. Deixe pra “se jogar” nas liquidações em um dia que você estiver bem e com tempo, pois assim você evita comprar “errado” por impulso ou carência.

Muitas dessas dicas eu já sabia e seguia e outras aprendi no livro “Nada Para Vestir”, do Arlindo Grund, o qual recomendo a todo mundo que curte e/ou trabalha com moda por ser um ótimo guia de estilo e de imagem.

Então é isso, gente, prestem atenção nessas dicas antes de enlouquecerem com os descontos pra investir nos itens certos e aproveitar as liquidações ao máximo, comprando certo e consciente.

Beijinhos 😉